Bradesco Esportes e Educação

Reconhecimento

A longevidade do Programa, associada ao comprometimento do seu patrocinador e à dedicação de seus profissionais, mostra a responsabilidade com o esporte e com a preparação de crianças e jovens para que façam suas próprias escolhas.

A dedicação contínua e a persistência de objetivos resultam em ações compensadoras como conquistas de prêmios e de reconhecimentos importantes tanto para o atleta como para os profissionais envolvidos.

Bons Frutos de uma Iniciativa Pioneira

"A realização de projetos que nascem da união entre conceitos fundamentais para o dia-a-dia faz parte da história do Bradesco. Educação é um deles, sempre presente em nossa caminhada, assim como inclusão social, verdadeiro alicerce na construção da nossa trajetória. Acreditando e apoiados em cada um deles, criamos iniciativas em prol da comunidade, desafios grandiosos, muitas vezes silenciosos, que nos levam a crer em um País com menos desigualdades, mais justo e com oportunidades para todos. Foi assim que nasceu há 53 anos a Fundação Bradesco, o maior programa privado de ensino gratuito do País – e um dos maiores do mundo. Esta iniciativa de vanguarda, um ideal abraçado pelo Sr. Amador Aguiar, tornou-se referência em qualidade de ensino, abrangência, metodologia e resultados em nosso País, com mais de 40 escolas pelo Brasil e mais de 2 milhões de alunos beneficiados nessas cinco décadas de existência. Mas esse grandioso projeto não é o único na nossa trajetória a favor da educação brasileira, um investimento do qual não abrimos mão. Ele é acompanhado de outras ações. Com essa premissa nasceu o Programa Bradesco Esportes e Educação, fruto da união entre esporte e educação, bases para difundir valores como respeito, dignidade e cidadania às meninas beneficiadas. Estimular a inclusão social de jovens, tendo o esporte como peça-chave no desenvolvimento, é a tradução de um jogo perfeito, em completo sincronismo com a sociedade. Continuamos a acreditar em ações como essas e tantas outras que nos tornam pioneiros, precursores de iniciativas que engrandecem a nossa história, sempre atentos àqueles que aproveitam as oportunidades e fazem delas o início de histórias de sucesso. Nossas meninas do Programa Bradesco Esportes e Educação são prova de que determinação e trabalho em equipe constroem campeões. Nas quadras e, sobretudo, na vida."

Lázaro de Mello Brandão
Presidente do Conselho de Administração da Organização Bradesco
Socialização e educação: um saque de ouro do vôlei brasileiro

"Formar cidadãos e educar através do esporte é uma das minhas maiores preocupações no comando da Confederação Brasileira de Voleibol. Por isso, logo que entrei na CBV, criei o projeto VivaVôlei, que ensina às crianças, de 7 a 14 anos, as práticas esportivas adequadas a sua faixa etária. Todo esporte precisa de projetos de iniciação para crescer e descobrir novos talentos. Assim como a CBV, o Bradesco Esportes & Educação também desenvolve os seus núcleo de Formação Esportiva para a garotada. É maravilhoso ver o atual campeão da Superliga Feminina reunindo crianças e mantendo o desenvolvimento de um projeto de aprendizado esportivo e social. Tanto o VivaVôlei quanto os núcleo de Formação Esportiva do Bradesco Esportes & Educação são projetos que fazem parte do comprometimento que o voleibol brasileiro possui em formar atletas e cidadãos. Além de sermos campeões nas quadras de todo o mundo, conquistamos, a cada criança atingida, mais uma medalha: a da responsabilidade social. O projeto social que o Bradesco Esportes & Educação desenvolve é também uma opção saudável de lazer para crianças e adolescentes, afastando-as das drogas e do crime organizado. Este é o mesmo objetivo do VivaVôlei, que já conta com 107 centros espalhados por todo o Brasil, ensinando o voleibol para cerca de 25 mil crianças. Mas também não adiantaria nada ensinar a prática esportiva se as crianças não estivessem estudando. Por isso, uma das exigências destes dois vitoriosos projetos é que todas as crianças precisam estar sendo educadas. Educar através do esporte é um grande sucesso. Prova disso é o crescimento do número de ações sociais envolvendo a prática esportiva. Além disso, os projetos que já existem, como o do Bradesco Esportes & Educação e o VivaVôlei, a cada dia, se solidificam e atingem um número maior de crianças. Com esta responsabilidade, o vôlei brasileiro mostra para o mundo porque é um esporte campeão."

Ary Graça
Presidente da Confederação Brasileira e da Federação Sul-Americana de Voleibol